quarta-feira, 28 de março de 2012

O teu reino é um reino eterno; o teu domínio dura em todas as gerações. Salmos 145:13 Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente. Hebreus 13:8 Não é necessário escrever a respeito destes versículos. É necessário, crer.

domingo, 11 de março de 2012

Jesucristo-Expulsión vendedores del Templo (13)

Purificação do Templo

Purificação do templo “E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda. E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorará”. João 2:14-17 O profeta Ezequiel disse: “Enquanto o homem estava em pé ao meu lado, ouvi uma voz que me foi dirigida de dentro do templo.” Ezequiel 43:6 Paulo escreveu aos coríntios: “Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?” 1Coríntios 3:16 A palavra chave desta mensagem é: templo. O que é templo? “A palavra templo vem do latim “templu” e significa o espaço circunscrito, delimitado; espaço traçado no ar pelo bastão do áugure como campo de observação à vista dos auspícios". Camilo –Marinha Grande – Portugal Julho de 2004. De acordo com o dicionário diz: ”s.m. Edifício público para culto religioso, como igreja, sinagoga, mesquita, etc.". Vamos reler a passagem inicial desta mensagem. “E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda. E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorará”. João 2:14-17 Para que entenda este versículo; quando estava próximo à páscoa dos judeus, Jesus foi para Jerusalém e viu o que estava acontecendo no templo. Ele não gostou do que viu e agiu daquela forma que para alguns, foi um ato de insanidade, tanto é que perguntaram “Que sinal miraculoso nos mostras para provar que tens autoridade para fazer isto?” (João 2:18). A pergunta, na verdade, não é “que sinal miraculoso” ou “tu tens autoridade para fazer isto”? A pergunta é: Por que Jesus expulsou do templo aquelas pessoas? A resposta o próprio Jesus já deu: “não façais da casa de meu Pai casa de venda” As pessoas que estavam no templo estavam vendendo os animais para que fossem sacrificados. Eles estavam lucrando com o pecado das pessoas. Um momento para refletir: Será que em nosso templo estamos lucrando com o pecado das pessoas? Lembro que esta pergunta refere-se ao templo como espaço físico, um edifício. Como seria este lucro com o pecado? Deixo esta pergunta para que meus irmãos em Cristo me ajudem a encontrar a resposta. Fica ai um tema para debate. Falando de ‘templo’ como ‘corpo’. Jesus disse: “... Destruí este templo, e em três dias o levantarei de novo.” João 2:19. Os judeus entenderam que se tratava do templo como edifício, mas o escritor do livro, João, explica que Jesus falava do corpo dele. “Mas ele falava do templo do seu corpo. Quando Jesus ressurgiu dentre os mortos, os seus discípulos lembraram-se do que ele dissera. Então creram na Escritura e nas palavras que Jesus tinha dito.” João 2:21-22. O profeta Ezequiel fala algo que me faz refletir a respeito. “a voz que sai de dentro do templo” “Enquanto o homem estava em pé ao meu lado, ouvi uma voz que me foi dirigida de dentro do templo.” Ezequiel 43:6. O profeta Ezequiel foi um dos profetas que mais teve visões de Deus. Posso dizer que o Livro de Ezequiel é repleto de visões de Deus. (Caso alguém não concorde, por favor, deixe o seu comentário). E uma destas visões, ele disse que ouviu uma voz que foi dirigida de dentro do templo. E continuando o meu mergulho pela Bíblia, em 1 Coríntios 3:16, Paulo escreve que: “Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós"? Em outras traduções, encontra-se a palavra ‘templo’. Jesus disse que o templo que seria destruído e que depois de três dias levantaria novamente. No entanto, Jesus estava dizendo do corpo dele. Ou seja, Jesus teve seu corpo destruído; foram açoites severos, foram pregos nas mãos e nos pés e para verificar se Jesus já havia morrido ou não, o seu corpo foi ferido com uma lança. “Contudo, um dos soldados trespassou-lhe o lado com uma lança, e imediatamente saiu sangue e água". João 19:35. [Aconselho a vocês que leiam João capítulos 19 e 20]. No capítulo 20 fala sobre a ressurreição de Jesus. Cumprindo, o que havia dito no capítulo 2 do livro de João. Assim como o corpo de Jesus era o templo de Deus, o nosso corpo também é, e Paulo, que era a habitação do Espírito Santo e ouviu a voz que saia de dentro do templo, escreveu aos Coríntios que o nosso corpo é habitação do Espírito Santo de Deus. Entendo que o meu corpo é habitação do Espírito de Deus. Deus é Espírito e a sua morada é no meu corpo. Logo, meu corpo deve ser purificado. Se há ‘animais para serem sacrificados’, se estou fazendo do meu corpo um lugar de lucro do pecado, significa que meu corpo está impuro. É necessário que haja uma limpeza. Assim como Jesus purificou o templo, tirando toda a sujeira, assim devo fazer no meu corpo. Com o meu templo limpo, torna-se então, a habitação do Espírito Santo e, assim ouvirei a voz do Senhor. Trouxe este aprendizado para uma situação bem individual, pois cada um de nós cuida do corpo a sua maneira particular. O que temos que entender é que ser a habitação de Deus não é para qualquer pessoa. É fundamental que haja uma limpeza na alma; tirar toda a tristeza, a mágoa, o trauma, a falta de perdão, o pecado da carne como: a idolatria, prostituição, adultério, lascívia e tantos outros que faz com que Deus não habite num corpo cheio de abominações. No livro de Atos 2:1-47 fala sobre: A descida do Espírito Santo. Os apóstolos, as mulheres que seguiram Jesus estavam reunidas em oração, quando o Espírito Santo veio sobre eles. “Eles foram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas conforme o Espírito Santo lhes concedia que falasse.” Atos 2:4. Podemos entender que a partir do momento que somos cheios do Espírito Santo, Ele começa a nos direcionar ao que deve ser feito. No caso dos apóstolos e das mulheres, eles falaram a língua dos povos que ali estavam. E eles evangelizavam, ou seja, estavam falando sobre Jesus e dizendo ao povo para que se arrependam e se batizem. Em outras palavras, ouviram ‘a voz que foi dirigida ao profeta de dentro do templo’. Jesus disse que: ”... pois na mesma hora o Espírito Santo vos ensinará o que deveis dizer”. Lucas 12:12 O Espírito Santo traz a nossa memória os ensinamentos do Senhor Jesus. Ele põe as palavras certas no momento oportuno em nossa boca. Ele nos ajuda a orar. Ele ensina tudo e, principalmente a não andar por caminhos que levará a perdição. Ele ajuda a fazer com que os nossos olhos fiquem em Jesus Cristo. Ele convence o homem do pecado, da justiça e do juízo. Pedro ouviu o que as pessoas diziam. As pessoas que ali estavam, acharam que aquelas pessoas estavam bêbadas. O discurso de Pedro foi fascinante. Ele explicou o que aconteceu e, após esta pregação, três mil almas se arrependeram dos seus pecados e receberam Jesus Cristo como Senhor e Salvador e foram batizados. Viver na plenitude do Espírito Santo é o que devemos buscar. Inclinar os ouvidos espirituais para ouvir a Voz do Espírito Santo que sai de dentro do templo. Ser guiado pelo Espírito Santo, como diz em Romanos 8:14 “porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.” Mas, por que não queremos viver na plenitude do Espírito Santo? Nós temos respostas que, provavelmente, não convencerá a Deus. Paulo diz aos Romanos que a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável. Então, por que temer em viver na plenitude do Espírito Santo? A minha resposta pessoal é que temos medo de pagar o preço. Pagar o preço significa ser: rejeitado pela sociedade, ser perseguido, ser torturado para forçar a negar a Jesus. E não queremos isso para nós. Queremos ter uma vida Cristã tranquila, sem pessoas criticando, sem inimizades com o mundo. Mas, lendo a palavra de Deus; o próprio Jesus disse: “Em verdade, em verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, E as fará maiores do que estas, porque eu vou para o Pai.” João 14:12. Jesus diz mais em João 15: 18-21 “Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós, me odiou a mim. Se fosseis do mundo, o mundo amaria o que era seu. Mas como não sois do mundo, antes, dele vos escolhi, é por isso que o mundo vos odeia. Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se Eles me perseguiram, também vos perseguirão. Se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. Mas tudo isso farão por causa do meu nome, pois não conhecem aquele que me enviou.” Aprendo que Jesus vivia na Plenitude do Espírito Santo. Logo, eu também devo viver na Plenitude do Espírito Santo. Somente assim, farei as mesmas obras que Ele fez. Todavia, assim como farei as mesmas obras que o Senhor Jesus fez, também sofrerei as mesmas perseguições como o Senhor Jesus disse no parágrafo anterior. Dirão de mim que tenho demônio, como foi dito a Jesus. Veja Mateus 12:22-32; João 8:48 e 52. Todas estas coisas são fortes e que se não estivermos plenos no Espírito Santo, não suportaremos. Por isso, a importância de ter um templo puro, santificado para que seja a morada de Deus em nós. Para que possamos suportar todas estas coisas e permanecer firmes em Deus. Ser fiel até a morte. Quando renunciamos a nós mesmo e buscamos a Deus e recebemos Jesus Cristo como Único Senhor e Salvador. Cai em nós o fruto de arrependimento e passamos a temer de tal forma que antes de fazer qualquer coisa, aprendemos a buscar a Deus em primeiro lugar, que na verdade, Deus não deve ser o primeiro, mas deve ser Soberano. Quando alguém está em primeiro, pode cair para segundo, terceiro e chegar ao momento que não há mais pódio para ele. Por isso, o correto é dizer que Deus é Soberano. Não há ninguém que pode superá-lo. Temer não é ter medo, mas é ter respeito, reverência. Muitos têm brincado com Deus. Muitos blasfemam e acreditam que Deus não faz nem mal e nem bem. Alguns lembram apenas que Deus é amor ou que não devemos julgar aos outros. Mas esquecem de que Deus é Justiça, Deus é fogo consumidor e que, ainda mata. Contudo, Deus é infinito em Misericórdia e não se alegra com a morte de pecadores. Antes, a vontade de Deus é que venham conhecer a Verdade que se chama Jesus Cristo, que morreu numa cruz e que ressuscitou. Que há uma vida abundante para aqueles que creem em Jesus. Temos a liberdade para escolher o que é melhor para nós. Qual será a sua escolha?

sábado, 3 de março de 2012

Quando tudo diz que não

O ciúme de Deus

Deus me amou. Tem um louvor que muitos estão cantando. Veja a letra. Ele Me Ama Livres Para Adorar Ele tem ciúmes de mim Amor furioso, de quem sou refém Feito dependente de Sua misericórdia Quando de repente eu não percebo as dores por causa da glória Eu vejo então a beleza em Ti e o afeto que Sentes por mim Deus Me ama tanto assim Como Ele me ama Me ama tanto assim Ele me ama, tanto Me ama, tanto Me ama, tanto Ele ama (2x) Sim, Ele ama És minha herança e sou Tua porção Atraído pela redenção no olhar Se a graça é como um oceano, estou me afogando Os céus e a terra se encontram E o meu coração é tomado em grande furor E eu não perco meu tempo em lamentos Quando eu me lembro que Ele Me ama, tanto Me ama, tanto Me ama, tanto Ele ama (2x) Sim, Ele ama Uô ô ô (Ele me ama) Uma parte deste louvor chamou minha atenção que diz assim: "Ele tem ciúmes de mim" Parei e pensei: Deus tem ciúme? Mas ciúme não é pecado? Diante destas perguntas, corri para Bíblia, pois me lembrei de um versículo que dizia algo que Deus tinha ciúme. Achei em Tiago o seguinte: “... ou cuidais vós que em vão diz a Escritura: O Espírito que em nós habita tem ciúmes"? Tiago 4:5 Pesquisei as versões deste versículo em outras traduções bíblicas brasileiras, inglesas e, por incrível que pareça em latim. Veja abaixo este versículo em latim: Nova Vulgata. Aut putatis quia inaniter Scriptura dicat: “Ad invidiam concupiscit Spiritus, qui inhabitat in nobis”? Tiago 4:5 Não penses que vão que a Escritura diz: “Ele anseia zelosamente sobre o espírito que habita em nós”? Tiago 4:05 No dicionário, a palavra ciúme tem vários significados como: zelo de amor, inveja, emulação, pesar, despeito por ver alguém possuir um bem que se desejaria ter: o ciúme o atormenta. Receio de que a pessoa amada se apegue a outrem. Sinônimo de ciúme: emulação e inveja Fui pesquisar a etimologia da palavra ‘ciúme’: A palavra ‘ciúme’ vem do latim ‘zelumen’ e do grego ‘zelos’. Por isso, por ter este sinônimo de ‘zelo’ que significa cuidado; entendemos que o ciúme de Deus por nós, significa ‘zelo de amor’. Portanto, ter ciúme neste sentido de zelo, não é pecado. Quando amamos alguém, procuramos cuidar bem desta pessoa. Paulo escreveu aos coríntios que o amor não arde em ciúme. Entendo que quem ama sente ciúme, porém não deve ser de uma forma doentia. Mas deve ser um ‘zelo de amor’ ou seja, aquele que cuida da pessoa amada. Tem um versículo em Ezequiel que é maravilhoso. Leia com atenção: E estendeu a forma de uma mão, e tomou-me pelos cabelos da minha cabeça; e o Espírito me levantou entre a terra e o céu, e levou-me a Jerusalém em visões de Deus, até à entrada da porta do pátio de dentro, que olha para o norte, onde estava o assento da imagem do ciúmes, que provoca ciúmes. E eis que a glória do Deus de Israel estava ali, conforme o aspecto que eu tinha visto no vale. E disse-me: Filho do homem, levanta agora os teus olhos para o caminho do norte. E levantei os meus olhos para o caminho do norte, e eis que ao norte da porta do altar, estava esta imagem de ciúmes na entrada. E disse-me: Filho do homem, vês tu o que eles estão fazendo? As grandes abominações que a casa de Israel faz aqui, para que me afaste do meu santuário? Mas ainda tornarás a ver maiores abominações. Ezequiel 8:3-6 De acordo com estes versículos, entendo que Deus tem ciúme. Ele não divide a Glória Dele com Ninguém. Veja a confirmação desta verdade no versículo abaixo: “Eu sou o Senhor; este é o meu nome! A minha glória a outrem não a darei, nem o meu louvor às imagens de escultura.” Isaías 42:8. Deus estava revelando ao profeta o que estavam fazendo escondido e dá para perceber que Deus estava indignado com a atitude do povo que Ele resgatou. Deus tem todo o direito de ter ciúme de nós? Afinal de contas, quem foi que do pó da terra formou o homem? Quem soprou nas narinas deste homem o fôlego da vida, tornando-o alma vivente? Quem fez com que este homem dormisse profundamente e, tirando uma costela deste homem, formou a mulher? Foi Deus. Deus nos amou tanto este homem e esta mulher que os colocou num lindo jardim. Mas estes cometeram o primeiro pecado, a desobediência. Depois disso aconteceram outros pecados como o primeiro assassinato [Gênesis 4:8]. Uma das mais belas criações de Deus, que é o homem, tornou-se maldosos ao ponto de Deus tomar a seguinte decisão, destruir o homem, não somente o homem, mas até mesmo os animais. No entanto, Deus achou graça em um homem, Noé. Sei que conhecem o fato. Deus disse a Noé para construir a arca e que nela entrassem a sua família e animais de todas as espécies; macho e fêmea, para entrarem na arca para que não morressem no dilúvio. Tantos casos aconteceram até que Deus encontrou Abrão e disse para sair da parentela e partir para uma terra que Deus havia preparado para eles. E Deus esteve com Abrão, que passou a ser Abraão, com Isaque e com Jacó. Até chegar a Moisés cuja história todos também conhece. E foi para Moisés que Deus entregou leis para que o povo vivesse com paz, alegria e prosperidade na terra que havia prometido a Abraão. O primeiro mandamento de Deus para o povo é: “Não terá outros deuses diante de mim. Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; pois eu, o Senhor teu Deus, sou Deus ZELOSO, que visito a maldade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam. Mas faço misericórdia até mil gerações daqueles que me amam e guardam os meus mandamentos.” [Gênesis 20:3-5]. Aconselho-te a ler estas leis e praticá-las. Deus tirou o povo do Egito, da escravidão e falou com eles, disse-lhes estas leis ao povo de Israel. No entanto, o povo transgrediu a lei, fazendo um bezerro de ouro. [Êxodo 32:1-6] “Mas vendo o povo que Moisés tardava em descer do monte, acercou-se de Arão, e disse-lhe: Levanta-te, faze-nos deuses, que vão adiante de nós; porque quanto a este Moisés, o homem que nos tirou da terra do Egito, não sabemos o que lhe sucedeu". E Arão lhes disse: Arrancai os pendentes de ouro, que estão nas orelhas de vossas mulheres, e de vossos filhos, e de vossas filhas, e trazei-mos. Então todo o povo arrancou os pendentes de ouro, que estavam nas suas orelhas, e os trouxeram a Arão. E ele os tomou das suas mãos, e trabalhou o ouro com um buril, e fez dele um bezerro de fundição. Então disseram: Este é teu deus, ó Israel, que te tirou da terra do Egito. E Arão, vendo isto, edificou um altar diante dele; e apregoou Arão, e disse: Amanhã será festa ao SENHOR. E no dia seguinte madrugaram, e ofereceram holocaustos, e trouxeram ofertas pacíficas; e o povo assentou-se a comer e a beber; depois levantou-se a folgar”. Deus, vendo isso, quis destruir aquela multidão, pois sabia que eram um povo de dura cerviz. Moisés intercedeu por eles e morreram apenas aqueles que fizeram o bezerro de ouro. [Êxodo 32:25-28]. (Nos dias atuais, as pessoas dão glórias a deuses de barro, de ouro, de cobre, de palha, da riqueza; buscam encontrar paz em lugares que agradam o seu ego, que dizem palavras que parecem vir de Deus, mas são palavras mentirosas. Muitas pessoas não buscam por discernimento através da meditação da Palavra de Deus. Bíblia explica Bíblia, aprendi isso com meu pastor; e poucos recorrem a ela para que tenha entendimento. Muitos não buscam ao Soberano Deus, pois é necessário que haja renúncia dos atuais ‘bezerro de ouro’ deste século). O tempo passou. Chegou o momento de Deus mostrar o quanto nos ama. No passado, animais eram sacrificados para que o pecador tivesse o perdão. O livro de Levíticos trata sobre este assunto. Neste livro há diversos tipos de pecados que, até hoje, o homem comete. Na verdade, os cinco primeiros livros da Bíblia, chamado de Pentateuco, referem-se a leis que devem ser cumpridas. Atualmente, não é necessário que sacrifiquemos animais. Deus enviou Jesus Cristo, seu Único Filho, para morrer em nosso lugar. No livro de Hebreus, capítulo 10, fala sobre a eficácia do sacrifício de Jesus; encorajo-o para que leia e medite nas palavras deste capítulo. Jesus Cristo morreu para que tenhamos vida eterna. Jesus ressuscitou e está assentado à direita de Deus, Pai e intercede por nós. Aconteceu algo com Estevão, o primeiro a morrer por amor a Jesus. Estevão discursou desde Abraão até a morte e ressurreição de Jesus Cristo. O discurso foi muito impactante, porém como os homens que estavam ouvindo eram de dura cerviz; enfurecidos, decidiram matar Estevão. Deus trouxe a minha memória este fato para confirmar que Jesus está vivo. Leia abaixo a visão que Estevão teve, todavia é necessário que creia. Sem fé não pode agradar a Deus. Mas ele, estando cheio do Espírito Santo, fixando os olhos no céu, viu a glória de Deus, e Jesus, que estava à direita de Deus; E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus. Atos 7:55-56 Pela fé, eu vejo a alegria do Espírito Santo olhando para o céu, pois Estevão estava na plenitude do Espírito Santo, posso dizer que naquele momento, se Deus dissesse a Jesus vá e traga a igreja, rapidamente o Espírito Santo iria ao encontro do Senhor Jesus trazendo Estevão. Nós aguardamos a volta do Senhor Jesus e o arrebatamento da igreja. É, por isso que temos que nos esvaziar das coisas que existem neste mundo e viver na plenitude do Espírito, para que estejamos prontos para irmos ao encontro do Senhor Jesus nos céus. É, por isso, que não deixo de escrever tais mensagens. Eu quero que você venha estar ao meu lado, no céu adorando o Rei dos reis e Senhor dos senhores. Deus tem ciúme de você, Ele te ama muito e não quer ver você cultuando a deuses que para nada servem. Estes deuses de barro, pedra, ouro, prata, bronze não tem poder para fazer nem o bem e nem o mal. Mas Deus é Todo-Poderoso. Ele é o Poder. Ele faz acontecer o milagre que você precisa. Ele estabelece reis e destrói reis. Ele faz o que quiser, pois Ele é Deus. E uma coisa que sei bem que Ele quer é ter você, cuidar de você. É a vontade de Deus que todos os homens sejam salvos. Você é quem decide. Ele lhe deu o livre arbítrio. O que você vai decidir? Dê a resposta para Deus. Ele está esperando a sua resposta. Amém. Kátia 03/03/2012

Diálogo com Deus

É interessante notar que o mundo gospel tem gerado celebridades. O que tenho mais notado é que o ser humano que se converte ao Senhor Je...